Confira os principais assuntos do 3º dia da NRF 2022

Confira os principais assuntos do 3º dia da NRF 2022

No terceiro dia da NRF 2022: Retail’s Big Show conseguimos ver que muitas das palestras e estandes que marcaram presença no evento, vieram trazendo o vínculo do digital e do comércio offline e como as experiências nestes dois mercados estão cada vez mais tornando a jornada do consumidor unificada, além de tendências do Direct-to-customer.

A seguir falamos sobre cada um dos principais tópicos abordados no terceiro dia do evento.

A arte e a ciência de dados no merchandising

Na manhã do terceiro dia Pete Nordstrom, presidente e Chief Brand Offices da Nordstrom Inc. em conversa com Phil Wahba, redator sênior da Fortune Magazine, foram abortados assuntos sobre criatividade, descoberta e o conceito de continuar aprendendo e evoluindo por meio de dados.

Nordstrom também falou sobre as parcerias com ASOS e Fanatics. Na primeira parceria, o intuito é transportar as mercadorias da ASOS até as lojas de departamento para serem locais de coleta e devolução para pedidos online. Já com a Fanactis, a parceria busca oferece produtos para fãs de esporte licenciados, atuando como uma plataforma de vendas em vez de possuir todo o inventário.

A parceria vem sendo um sucesso já que ambas as empresas têm públicos parecidos e estratégias com foco nas necessidades do cliente.

Conseguimos perceber que as restrições físicas das lojas estão sendo quebradas com as possibilidades das compras online, abrindo portar para empresas fazerem mais, oferecendo maior flexibilidade para os clientes que já estão interessados neste tipo de experiência unificada.

O poder do consumidor que impulsiona mudanças

Em sua apresentação, a vice-presidente e diretora administrativa do Morgan Stanley, Carla Harris falou sobre pessoas, liderança, propósito e conexões humanas.

Em sua palestra, Harris deixou claro que o mundo vive um momento de complicação de voz e escolha, o que está absolutamente relacionado ao varejo e o consumidor. Através de canais de atendimento, formas de pagamento, formas de recebimento e outros fatores. Também foi ressaltado a importância de escutar o cliente e conhece-lo em cada cenário específico, entender se as marcas estão sendo de fato relevantes para assim engajar o público consumidor.

Oferecer uma escolha e dar voz no momento da atração e retenção não só do consumidor mas também dos talentos da companhia, é extremamente fundamental para o sucesso de qualquer negócio.

Sustentabilidade e o compromisso com as pessoas e o planeta

Na sessão principal com o tema “Quando o clima se torna um imperativo de negócios”, o CEO e diretor de sustentabilidade da IKEA nos EUA, Javier Quiñones, trouxe tópicos sobre o tema a partir de uma visão nova e otimista.

Kate Hardin, diretora executiva do Centro de Pesquisa de Emergência da Deloitte, abriu a palestra trazendo dados de uma pesquisa com pessoas em 23 países. Alguns dados mostraram sobre a preocupação com as mudanças climáticas e a importância que as pessoas dão para produtos ou serviços sustentáveis, o que sugere que os consumidores estão começando a pensar sobre isso, agir e buscando empresas que estão adequando seus negócios pelo compromisso com o planeta.

Para empresas que estão começando, os esforços de sustentabilidade devem partir do núcleo da empresa, com líderes dispostos a se comprometer totalmente, além de incentivar mudança cultural, coisa que não acontece da noite para o dia.

O terceiro dia rendeu muitos temas interessantes, não é mesmo?! Agora é só entender como estes insights podem contribuir para o seu negócio.

Lascia un commento

Si prega di notare che, prima di essere pubblicati, i commenti devono essere approvati.