Como aumentar suas vendas no Natal 2022

Como aumentar suas vendas no Natal 2022

A a experiência do consumidor se desenvolveu de maneira muito mais rápida nos últimos anos do que era esperado. Interações com marcas e experiências de compra tomaram rumos diferentes do que costumavam ser.

Em 2022, um levantamento da Accenture registrou que 50% dos consumidores globais dizem que a pandemia fez com que reavaliassem seus propósitos sobre o que realmente é importante, remetendo a diferentes aspectos da maneira como vivíamos, trabalhávamos e costumávamos fazer compras 2 anos atrás.

consumidores natal digital

Em um mercado altamente competitivo, o atendimento personalizado se tornou sinônimo de fidelização para o cliente. 72% dos consumidores que passaram a reavaliar suas compras, dizem esperar que as empresas com quem fazem negócios, possam compreender e abordar suas necessidades com mais atenção.

Enquanto 50% dessas pessoas, apontam que inúmeras empresas os decepcionaram por não prover atendimento imediato, apoio e compreensão às suas necessidades durante as dificuldades da pandemia.

natal 2022 vendas online

e-commerce é bastante utilizado na atualidade como canal de apoio de vendas dentro de empresas, em muitos casos, com potencial para se tornar o principal canal de geração de receita. Para isso é necessário compreender toda a iminência de interação, engajamento e vendas direta que estes canais digitais podem influenciar no varejo.

Para o consumidor, em 2019 já havia a busca por experiências diferenciadas que fossem positivas, influenciadas especialmente por bom atendimento, relacionamento e comunicação das plataformas de vendas. 

Em dados levantados pela revista Folha, podemos observar que muito disso se potencializou durante a pandemia, trazendo em 2020, no período de 100 dias, o aumento de 5,7 milhões de consumidores para o comércio digital.

Então faz sentido pensar no e-commerce como uma funcionalidade que faz parte de uma estrutura maior e unificada por uma boa estratégia, reunindo as principais necessidades do consumidor: compra, experiência, atendimento, entre outros. 

Com a forte evolução da transformação digital, as novas tendências comportamentais do consumidor passaram a destacar novos hábitos. 

Com isso, trouxe também consumidores mais jovens adeptos do mercado digital, oferecendo novos desafios para qualquer um que não esteja preparado para atender às necessidades e exigências das gerações futuras.

De acordo com um estudo feito pela eMarketer, no ano de 2022, a expectativa é que o crescimento do e-commerce atinja 21%, atingindo o total de U$5,5 trilhões em todo o mundo. 

Dentre as datas destaque onde o e-commerce mais ganhará impulso, estão a Black Friday – que promete crescimento nominal de 5% nas vendas em relação ao evento de 2021, e a Copa do Mundo.

 

Leia também: Tendência de Inovação Digital para Indústria e empresas B2B

 

A importância da omnicanalidade no mercado digital

Pensar na experiência do consumidor, é compreender que durante todas as etapas de compra suas motivações passaram a ser em nome da segurança e do conforto. 

Isso aconteceu porque o universo digital tem se tornado cada vez mais diverso, oferecendo inúmeras tendências tecnológicas que conciliam complexidade de acordo com o que o usuário busca. 

Interações com marcas e experiências de compra tomaram rumos extremamente diferentes do que costumavam ser.

Com a transformação digital, muitos consumidores passaram a se atentar não apenas aos itens de compra, como também se tornaram mais exigentes em relação ao modelo que disponibilizará a experiência completa.

A omnicalidade se tornou imprescindível, ganhando cada vez mais destaque para estreitar a relação entre online e offline, aprimorando a experiência do consumidor que está gradualmente procurando opções mais rápidas, seguras e convenientes de compra.

Para operação de uma verdadeira estratégia Omnichannel, é preciso ter todos os pontos de contato integrados e manter a linha de comunicação em toda a jornada de compra. E isso não é uma tarefa fácil ao ter inúmeros softwares e sistemas que suportam uma operação de e-commerce. 

A tendência do varejo caminha para a aproximação dos meios digitais com os físicos, por isso, ter uma operação Omnichannel significa que o cliente pode escolher o melhor canal para realizar uma compra, ou mesmo começar a realizar uma compra em um canal e finalizá-la em outro.

De acordo com dados levantados pela McKinsey, clientes omnichannel fazem compras com 70% mais frequência e gastam cerca de 34% mais do que consumidores que compram em apenas um canal exclusivamente. 

Com isso, fica cada vez mais claro a importância da integração de canais durante a jornada do e-commerce, ressaltando a atenção para exceder às expectativas de uma experiência ideal aos consumidores. Afinal, o omnichannel não é utilizado apenas com o objetivo de vendas; o foco principal é o cliente, portanto fatores relacionados a toda a jornada do cliente deve ser levada em consideração.

Para colocar a estratégia de Omnichannel em prática, é importante se atentar que a inovação vai muito além do marketing. A prática deve partir dos processos e até mesmo da cultura dos próprios colaboradores da empresa de maneira que vise resultados positivos e satisfatórios.

É importante abordar pelo menos cinco pilares para fazer com que a estratégia dê certo, são eles:

  • Tecnologia;
  • Logística;
  • Atendimento;
  • Treinamento;

O omnichannel não é só uma tendência para as empresas, mas uma preferência cada vez mais requisitada pelo consumidor, que procura gradualmente por opções cômodas, personalizadas e imediatas.

 

Leia também: Calendário e-commerce para alavancar suas vendas em 2023

 

O Natal 2022 no mercado digital

Com inúmeros eventos importantes para o varejo terem tido destaque no terceiro trimestre de 2022 – tais quais a Black Friday e a Copa do Mundo no Catar, o Natal chega com força total e grandes expectativas para alavancar as vendas no varejo.

Fatores importantes, como a breve queda na porcentagem de desemprego no Brasil, além do aumento de auxílios sociais disponibilizados pelo governo para a população, também poderão gerar receita para o mercado.

Um levantamento realizado pela AllIn, registra que pelo menos 60% dos entrevistados irão às compras para o Natal 2022. Enquanto dados do Think With Google, apontam que 26% dos consumidores já começaram as compras para o final de ano.

De acordo com uma estimativa da Confederação Nacional de Bens, Serviços e Turismo, o Natal deste ano deve movimentar R$65 bilhões no Brasil. Isso significa que, caso a expectativa seja alcançada, será o primeiro aumento real de vendas após dois anos de perda durante o evento, porém, sem igualar ao volume de vendas de 2019, que foi superior a R$67 bilhões.

De volta aos dados levantados pela AllIn, dentre as categorias que ganham destaque entre os consumidores, Moda e Acessórios lideram com 49%, sendo seguida por Beleza e Cosméticos, com 33% das intenções de compras para o Natal.

natal digital 2022 vender mais

A pesquisa também demonstrou que o público se antecipou, buscando por ofertas em diversas fontes, focando o universo digital e ressaltando a necessidade do mercado híbrido.

vender mais no natal 2022

Leia também: Tendências do e-commerce 2023

 

Conheça algumas ações que podem alavancar suas vendas no Natal 2022

Assim como nos anos anteriores, o Natal de 2022 acontecerá impulsionando significativamente as vendas tanto no mercado offline quanto online.

Com inúmeros eventos importantes para o varejo atuando no último trimestre de 2022, a Copa do Mundo e a Black Friday deram a largada nas vendas do varejo.

Portanto, para trazer estratégias inteligentes para o Natal, é importante pensar em promoções e outras iniciativas em nome de maiores vendas durante datas sazonais. Confira alguns tipos de promoções que podem ser aplicadas no e-commerce:

Desconto progressivo

Este tipo de promoção pode ser utilizada para atribuir um desconto percentual para uma determinada quantidade de produtos adicionados ao carrinho.

Criando uma perspectiva mais atrativa, sua loja pode colocar condições para a compra de 2 itens para o cliente ganhar uma porcentagem de desconto.

Os descontos progressivos são muito utilizados para aumentar o ticket médio do carrinho de compras e funciona muito bem para aumentar as taxas de conversão.

Compre junto

Uma das estratégias mais utilizadas no e-commerce, com certeza é a compra casada, também conhecida como “Compre junto”, e isso se deve por ser uma excelente aliada no crescimento das vendas de uma marca.

O Compre junto é muito utilizado para dar desconto para dois ou mais produtos complementares quando comprados juntos ou para produtos similares e de uma mesma coleção.

Na prática, o Compre Junto é disponibilizado como um campo na página de produto ou área promocional de alguma página do site, mostrando aos usuários uma ou mais opções de compra relacionadas ao produto em questão.

Compre e ganhe

Este tipo de promoção é interessante para desbloquear comportamentos psicológicos nos consumidores que preferem escolher opções gratuitas à promoção de desconto.

Geralmente é usada para oferecer dois produtos pelo preço de um, oferecer frete gratuito na compra de produtos específicos ou um brinde quando o produto da promoção é comprado.

Seja como for, o Compre e Ganhe é um fator positivo para aumentar a taxa de conversão e diminuir as taxas de abandono do carrinho, tornando o produto mais atrativo para os compradores.

Entre em contato para saber mais!

Evolua seu e-commerce! Conte com a ajuda do time Codeby, uma agência especializada em tecnologia, focada em performance e usabilidade para ajudar empresas a venderem mais através de seus canais digitais. 

 

Conheça nossas soluções conversando com nossa equipe de especialistas.

Lascia un commento

Si prega di notare che, prima di essere pubblicati, i commenti devono essere approvati.