As expectativas do varejo para o Dia dos namorados 2022

As expectativas do varejo para o Dia dos namorados 2022

O Dia dos Namorados está entre uma das datas comemorativas mais importantes do varejo brasileiro, ficando atrás somente do Dia das Mães e do Natal. Por esse motivo, os lojistas se preparam para atender os apaixonados que vão em busca de presentes para a pessoa amada.

Com a pandemia da COVID-19, a data também foi afetada e apresentou uma significativa queda nas vendas de todos os setores em 2020. O cenário foi revertido em 2021 e também se mostra bastante promissor para este ano, como apontam os dados da Neotrust, e é esperado que as vendas ultrapassem um total de R$6,5 bilhões, resultado alcançado anteriormente. 

Embora o panorama esteja caminhando para uma possível normalização, o e- commerce se mantém como preferência dos consumidores, reforçando assim o seu crescimento nos últimos dois anos. A previsão é de que a data mais romântica do calendário comercial continue expandindo o faturamento para as lojas virtuais. Acompanhando o novo modelo de consumo.

Conforme o relatório elaborado pela Neotrust, o Dia dos Namorados em 2021 fez o varejo digital faturar R$6,5 bilhões entre 28 de maio e 11 de junho (período analisado), uma alta de 3,24%. Para 2022, as empresas estão investindo na otimização de suas estratégias em canais digitais para entender o novo cotidiano e oferecer a melhor experiência de compra possível. 

Além de fomentar ações para atrair clientes das gerações mais jovens, uma vez que o perfil dos consumidores que comemoraram o Dia dos Namorados tem uma alta proporção na faixa etária de 18 a 24 anos. Com intenções de compra no valor de aproximadamente R$270. 

Para atender as exigências dos consumidores, mais do que bons preços e produtos, os varejistas online também estão preocupados em oferecer uma melhor jornada de compra dentro do site. Por esse motivo, visando um bom desempenho nas vendas durante o Dia dos Namorados em 2022, as marcas estão apostando em uma infraestrutura que suporte altos volumes de acesso, comunicação mobile-first, tecnologias que facilitem a acessibilidade. 

Promoções são um excelente chamariz quando se trata de aumentar o fluxo de vendas, mas para engajar os consumidores durante esta data e, posteriormente fidelizá-los, é necessário planejar estratégias que abrangem conteúdo, comunicabilidade e experiência de compra. 

É importante entender, no entanto, que as vendas online não terão impacto negativo sobre as vendas em canais físicos. Estima-se que até 2025, o e-commerce não só crescerá 42% no Brasil, como também representará quase 39% do crescimento total das vendas no varejo. 

Como também irá impulsionar uma nova dinâmica de compra entre os canais virtuais e físicos, integrando os processos e unificando as experiências. Ou seja, a presença online pode gerar mais vendas nas lojas físicas através da unificação dos estoques e possibilitar compras mais facilitadas por meio de recursos como o “clique e retire”, dando ao cliente a opção de retirar seu produto em uma loja próxima, com a intenção de obtê-lo em poucas horas. 

Isso significa que, independente dos canais que sua marca opere, alinhar sua estratégia com as necessidades do cliente e alto foco na experiência do usuário é essencial para ter um evento de sucesso. 

Quer saber como preparar seu e-commerce para essa data tão importante do varejo?

Confira o nosso e-book "Expectativas para o Dia dos namorados 2022", onde compartilhamos dados e aprendizados obtidos no Dia dos Namorados 2021, bem como previsões sobre o comportamento do consumidor e as expectativas para o Dia dos Namorados 2022 no contexto do e-commerce brasileiro.

Basta clicar no link acima e baixar o material de graça!

*Artigo também publicado pela Codeby no site do parceiro E-commerce Brasil.

Deixe um comentário

Os comentários precisam ser aprovados antes da publicação.